Assembleia do SINTESPB delibera sobre campanha salarial e fortalecer a luta contra a reforma da Previdência

Assembleia tem grande participação de servidores e encaminha pautas importantes para a luta em defesa dos trabalhadores

Escrito por: SINTESPB • Publicado em: 21/02/2017 - 10:47 • Última modificação: 21/02/2017 - 10:55 Escrito por: SINTESPB Publicado em: 21/02/2017 - 10:47 Última modificação: 21/02/2017 - 10:55

SINTESPB

Os servidores da UFPB participaram na manha desta segunda-feira, dia 20, no auditório da Reitoria, de assembleia geral, convocada pelo SINTESPB, que teve como principais deliberações o fortalecimento da luta contra a Reforma da Previdência, através do fórum de Servidores Públicos, e aprovação da pauta elaborada pela FASUBRA no que diz respeito à campanha salarial 2017/2018, onde a categoria exige a reposição salarial baseada no índice da inflação e o cumprimento do acordo assinado em 2015, para acabar a greve.

A assembleia autorizou também o SINTESPB, por meio de sua Assessoria Jurídica, impetrar ação contra o aumento abusivo imposto pela GEAP nas mensalidades referentes aos titulares, seus dependentes e agregados.

Os técnico-administrativos presentes à assembleia ainda referendaram o calendário de luta apresentado pela FASUBRA quanto à realização de grandes atos inclusive com paralisações para os dias  08 das mulheres e 15 de março, de todos  os trabalhadores na Educação, além da organização de caravanas a Brasília para o final de março.

Os servidores da UFPB, na oportunidade, também se posicionaram contrários à divisão da categoria com a criação do sindicato dos servidores em nível superior. Eles rechassaram a idéia discriminatória e manifestaram todo apoio à Fasubra com vistas à unidade na luta.

A Assembleia contou com a participação do presidente da ADUF-JP, professor Marcelo Sitcovsky, que convidou os trabalhadores técnico-administrativos da UFPB a engrossarem o movimento de unidade de todos os servidores públicos contra a reforma da previdência e tudo de ruim que está por vir.

A presidente do SINTESPB, Marizete Figueiredo, disse que a assembleia foi proveitosa, mesmo não sendo muito participativa, mas acrescentou que o SINTESPB sempre vai encaminhar a luta junto com todos aqueles que se interessarem em estar presente na vida sindical contribuindo para o fortalecimento da entidade. 

Título: Assembleia do SINTESPB delibera sobre campanha salarial e fortalecer a luta contra a reforma da Previdência, Conteúdo: Os servidores da UFPB participaram na manha desta segunda-feira, dia 20, no auditório da Reitoria, de assembleia geral, convocada pelo SINTESPB, que teve como principais deliberações o fortalecimento da luta contra a Reforma da Previdência, através do fórum de Servidores Públicos, e aprovação da pauta elaborada pela FASUBRA no que diz respeito à campanha salarial 2017/2018, onde a categoria exige a reposição salarial baseada no índice da inflação e o cumprimento do acordo assinado em 2015, para acabar a greve. A assembleia autorizou também o SINTESPB, por meio de sua Assessoria Jurídica, impetrar ação contra o aumento abusivo imposto pela GEAP nas mensalidades referentes aos titulares, seus dependentes e agregados. Os técnico-administrativos presentes à assembleia ainda referendaram o calendário de luta apresentado pela FASUBRA quanto à realização de grandes atos inclusive com paralisações para os dias  08 das mulheres e 15 de março, de todos  os trabalhadores na Educação, além da organização de caravanas a Brasília para o final de março. Os servidores da UFPB, na oportunidade, também se posicionaram contrários à divisão da categoria com a criação do sindicato dos servidores em nível superior. Eles rechassaram a idéia discriminatória e manifestaram todo apoio à Fasubra com vistas à unidade na luta. A Assembleia contou com a participação do presidente da ADUF-JP, professor Marcelo Sitcovsky, que convidou os trabalhadores técnico-administrativos da UFPB a engrossarem o movimento de unidade de todos os servidores públicos contra a reforma da previdência e tudo de ruim que está por vir. A presidente do SINTESPB, Marizete Figueiredo, disse que a assembleia foi proveitosa, mesmo não sendo muito participativa, mas acrescentou que o SINTESPB sempre vai encaminhar a luta junto com todos aqueles que se interessarem em estar presente na vida sindical contribuindo para o fortalecimento da entidade. 



Informativo CUT PB

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.