Aeroportuários da Paraíba farão protesto contra privatização nessa terça (12)

Atividade terá apoio da CUT-PB e demais sindicatos CUTistas

Escrito por: CUT-PB e SINA • Publicado em: 11/09/2017 - 13:59 • Última modificação: 11/09/2017 - 14:57 Escrito por: CUT-PB e SINA Publicado em: 11/09/2017 - 13:59 Última modificação: 11/09/2017 - 14:57

SINA

No Dia Nacional de Mobilização contra a Privatização da Infraero, o Sindicato Nacional dos Aeroportuários (SINA) fará um protesto nesta terça-feira (12), às 9hs, em frente ao Aeroporto Castro Pinto contra a privatização do aeroporto Castro Pinto. Os trabalhadores vão distribuir uma carta aberta aos passageiros com informações sobre o movimento, pedindo apoio à luta contra a privatização ou extinção da Infraero.

A atividade faz parte de uma agenda nacional de luta contra a privatização e o desmonte em massa de empresas estatais como: a Casa da Moeda, as loterias da Caixa, os bancos públicos e os 14 aeroportos da Infraero.

Para o diretor sindical, Rogério Varela, a atividade terá como pauta a defesa do patrimônio e do trabalho de milhões de brasileiros. “Esse projeto de privatização representa um ataque ao patrimônio do povo brasileiro. Para esse governo golpista, a solução é leiloar todas as riquezas do país e a Infraero é uma delas. Por isso, estaremos lutando contra esse ataque que trará consequências danosas a vida profissional de milhares de aeroportuários e a própria população”, explicou.

O Sina encaminhou ofício à Infraero, em 8 de setembro, ao diretor de Gestão, Marx Rodrigues, e à gerente de Relações Trabalhistas, Anne Reis, informando que as assembleias realizadas entre 29 e 31 de agosto deliberaram pela rejeição de qualquer proposta patronal de reajuste zero na data-base 2017 e pela aprovação do dia 12 de setembro como Dia Nacional de mobilizações e protestos contra a privatização de aeroportos da Rede Infraero. No ofício, o Sina também alerta que o governo federal deveria ser responsável e sensato em relação à soberania nacional e aos direitos dos trabalhadores da Infraero.

Veja o ofício – Clique Aqui

Leia a carta na íntegra

 

 

 

Título: Aeroportuários da Paraíba farão protesto contra privatização nessa terça (12), Conteúdo: No Dia Nacional de Mobilização contra a Privatização da Infraero, o Sindicato Nacional dos Aeroportuários (SINA) fará um protesto nesta terça-feira (12), às 9hs, em frente ao Aeroporto Castro Pinto contra a privatização do aeroporto Castro Pinto. Os trabalhadores vão distribuir uma carta aberta aos passageiros com informações sobre o movimento, pedindo apoio à luta contra a privatização ou extinção da Infraero. A atividade faz parte de uma agenda nacional de luta contra a privatização e o desmonte em massa de empresas estatais como: a Casa da Moeda, as loterias da Caixa, os bancos públicos e os 14 aeroportos da Infraero. Para o diretor sindical, Rogério Varela, a atividade terá como pauta a defesa do patrimônio e do trabalho de milhões de brasileiros. “Esse projeto de privatização representa um ataque ao patrimônio do povo brasileiro. Para esse governo golpista, a solução é leiloar todas as riquezas do país e a Infraero é uma delas. Por isso, estaremos lutando contra esse ataque que trará consequências danosas a vida profissional de milhares de aeroportuários e a própria população”, explicou. O Sina encaminhou ofício à Infraero, em 8 de setembro, ao diretor de Gestão, Marx Rodrigues, e à gerente de Relações Trabalhistas, Anne Reis, informando que as assembleias realizadas entre 29 e 31 de agosto deliberaram pela rejeição de qualquer proposta patronal de reajuste zero na data-base 2017 e pela aprovação do dia 12 de setembro como Dia Nacional de mobilizações e protestos contra a privatização de aeroportos da Rede Infraero. No ofício, o Sina também alerta que o governo federal deveria ser responsável e sensato em relação à soberania nacional e aos direitos dos trabalhadores da Infraero. Veja o ofício – Clique Aqui Leia a carta na íntegra      



Informativo CUT PB

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.